Quantidade de Páginas visitadas

OLIMPIADA DE LINGUA PORTUGUESA - ESCREVENDO O FUTURO



CONFIRA ABAIXO OS TRÊS TEXTOS VENCEDORES NA ETAPA MUNICIPAL:



GÊNERO: Poema

TÍTULO: Nossa Paranaguá

AUTORA: Vitória Cristine Martins Amaro 6 º E




Paranaguá é linda...

Cheia de flores, campos e rios

Terra boa de viver

Onde os filhos podem crescer

Mato verde onde se pode plantar

Cidade boa de morar

Só tem um porém

Todos juntos devem cuidar do que têm



Água boa e cristalina

Onde eu mergulho com alegria

Atravesso as ruas e o calçadão

Tem até estrada de chão

O trem toca avisando que está vindo

Na estrada da Graciosa

Lá vem gente conhecer esse lugar lindo!!

Esta é Paranaguá!

Cidade onde todos gostam de morar



.............................................................................................................................





GÊNERO: Crônica

TÍTULO: Um mar de possibilidades

AUTOR: João Paulo Moreira da Silva 1º B




Moro numa cidade litorânea que possui um dos maiores portos do Brasil e que ainda é patrimônio histórico. Esta cidade é Paranaguá, o berço da civilização paranaense.

Como dizem os antigos, “há males que vêm para o bem” e essa frase se encaixa perfeitamente à situação atual da cidade.

Há alguns anos, houve um acidente no cais do porto: um navio explodiu, levando muitos ao desespero absoluto.

O que era tragédia transformou-se em esperança, pois agora a empresa chilena responsável pelo navio compensou a cidade com um capital equivalente a R$ 5 milhões de reais para serem investidos na construção de um Aquário Marinho, o que irá acarretar num grande desenvolvimento econômico e cultural para o município.

É esperada a vinda de milhares de turistas ao ano e pelo que vi quando passei pelo local, só falta cortar a fitinha da inauguração. A expectativa é enorme, pois a quantidade de espécies aquáticas, nativas ou exóticas, que poderemos conhecer e visitar bem de perto será surpreendente, além das oportunidades de emprego que serão ofertadas à população local.

Só me entristeço pelo fato de que um navio precisou explodir para uma obra como essa ser construída numa cidade como Paranaguá, que só aparece na mídia quando há imensas filas de caminhões esperando para descarregar ou ainda para noticiar catástrofes no porto.

Contudo ainda tenho esperanças de que haverá inauguração e de que logo poderemos usufruir de todas as possibilidades de conhecimento e empregos diretos ou indiretos que o Aquário Marinho pode proporcionar.



..................................................................................................................



GÊNERO: Artigo de Opinião

TÍTULO: Um aquário sem água

AUTORA: Pamella Christine Clarindo Barcelos 3º A






Cidade histórica e turística, Paranaguá, com 140.469 habitantes, está localizada no litoral do Estado do Paraná. É a décima maior cidade do Paraná e a mais antiga do estado. O forte econômico parnanguara é o Porto Dom Pedro II cuja principal função é o escoamento de grãos. O Porto é considerado um dos lugares mais visitados por turistas, assim como a Estação de Trem, o Teatro da Ordem, o Mercado Municipal, dentre outros; isso inclui algumas festas como a da Tainha e a de Nossa Senhora do Rocio, padroeira do estado.

Uma das grandes obras prometidas para o turismo de Paranaguá é o Aquário Marinho. Ele tem 2,2 mil metros quadrados, tem auditório, sala multiuso, biblioteca e sala de quarentena (pequeno hospital para os animais), com 23 aquários que serão ocupados por 250 espécies diferentes de animais. Realizada pela empresa Catallini Terminais Marítimos, em conjunto com a Secretaria Estadual do Meio Ambiente Recursos Hídricos e a Prefeitura Municipal de Paranaguá, a obra está orçada em R$ 5 milhões. A iniciativa da construção foi, na verdade, uma medida compensatória envolvendo o acidente com o navio chileno Vicuña que explodiu no Porto em 2004. Foi uma maneira que a empresa responsabilizada pelo acidente encontrou para tentar ressarcir os danos causados ao meio ambiente, se é que isso é possível.

Mas não se animem, pois apesar das descrições ditas acima, o aquário não foi inaugurado... ainda. Por fora o empreendimento parece pronto, porém por dentro não há equipamentos, nem água, nem peixes. Convenhamos que realmente não é possível inaugurar um aquário vazio!

Com essa obra acabada, as expectativas são de que Paranaguá possa receber cerca de 300 mil turistas por ano, de que os estudantes possam fazer pesquisas de campo e de que muitas oportunidades de emprego surgirão.

Embora com todos esses benefícios, há de se pensar: Será que não será mais uma obra que ficará inacabada e inútil? Será que logo o empreendimento, que já custou tanto dinheiro, não servirá de abrigo para a marginalidade? Ou de ponto de encontro de usuários de drogas? Ou ainda, alvo de vândalos? Não seria melhor investir esse dinheiro na saúde do povo, por exemplo?

Há muitas discussões sobre isso nas rodas de conversas dos parnanguaras, principalmente para aqueles que não têm condições financeiras e precisam de remédios, dos hospitais e dos postos de saúde da rede pública. Por mais que o aquário possa vir a ser (uma hipótese) um grande atrativo turístico, a saúde e as necessidades da população parnanguara deveriam vir em primeiro lugar. Um aquário vazio no meio da cidade é tudo que uma cidade como a nossa precisa, você não acha?



..................................................................................................................














Validador

CSS válido!

Secretaria de Estado da Educação do Paraná
Av. Água Verde, 2140 - Água Verde - CEP 80240-900 Curitiba-PR - Fone: (41) 3340-1500
Desenvolvido pela Celepar - Acesso Restrito